quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Comunicação aprovada para apresentação no VIII ENCONTRO INTERNACIONAL "A IMAGEM MEDIEVAL: HISTÓRIA E TEORIA"


A comunicação intitulada “Livros de modelos: referências para
a arte, design, moda e preservação do patrimônio” foi aprovada para apresentação no VIII ENCONTRO INTERNACIONAL "A IMAGEM MEDIEVAL: HISTÓRIA E TEORIA", organizado pelo Laboratório de Teoria e História das Mídias Medievais (LATHIMM-USP), a se realizar entre os dias 29 de novembro e 01 de dezembro de 2017, no Anfiteatro Nicolau Sevcenko do Curso de História, na Faculdade de Filosofia, Ciências Humanas e Letras.


quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Programação do II Seminário de Cultura Beneditina

II SEMINÁRIO DE CULTURA BENEDITINA
Vida Monástica: Itinerário de conversão na constante contemplação da eterna Beleza
Mosteiro de São Bento de São Paulo
19 a 21 de outubro de 2017

PROGRAMAÇÃO

19 de outubro – quinta-feira
Cerimônia de abertura

Conferência Magna
A Beleza dos Mosteiros Beneditinos – a abadia de Monreal
Profª Drª Maria Luiza Marcílio

20 de outubro – sexta-feira
8h – 8h30 – recepção, credenciamento e inscrições

8h30 – 10h30 – conferências
A Beleza da salmodia
Dom Isidoro de Oliveira Preto, OSB

A Contemplação do Belo como comprometimento cristão no Evangelho de Lucas
Dom Lourenço Palata Viola, OSB

10h30 – 11h – Intervalo

11h – 12h – Conferência
A Beleza das vestes sagradas da coleção do Mosteiro de São Bento de São Paulo
Profª Me. Rosangela Aparecida da Conceição

12h – 14h – Almoço – Lançamento do livro “As Peripécias de Jennifer” de Dom João Baptista Barbosa Neto, OSB.

14h – 15h – conferência
A Beleza da face de Cristo na arte beuronense
Dom Dionísio Calheiros, OSB

15h – 15h30 – intervalo

15h30 – 16h30 – conferência
Beleza e simbolismo pelas mãos dos beneditinos fluminenses durante os séculos XVII e XVIII
Dom Mauro Fragoso, OSB

21 de outubro – sábado
8h30 – 10h30 – conferências
A herança Cultural de Frei Agostinho de Jesus na América Portuguesa
Me. Rafael Schunk

A imaginária de São Bento em Portugal
Profª Drª Roseli Santaella Stella

10h30 – 11h – Intervalo

11h – 12h – Conferência:
A Beleza da escuta
Profª Sandra Marina Witkowski

12h – 14h – Almoço – Lançamento do Livro “O Pequeno Príncipe descobre o Mosteiro” de Dom João Baptista Barbosa Neto, OSB e Sandra Marina Witkowski.

14h – 15h30 – conferência (mesa-redonda)
O artífice do belo foi encontrar-se com a eterna beleza – homenagem a Claudio Pastro
Madre Martha Lucia, OSB e Fernando Villafranca

15h30 – 16h – intervalo

16 – 17h – conferência
A beleza que remete a Deus: Conservar a belo é estabelecer uma ponte até o Criador
João Rossi

17h – encerramento

Inscrições e informações:
Secretaria da Faculdade de São Bento de São Paulo - Largo de São Bento, s/no. - Centro - São Paulo/SP
Fone: (11) 3328-8796

sábado, 12 de agosto de 2017

Capítulo "O jardim como fonte de inspiração: o floreado nos motivos neogóticos de A. W. N. Pugin" publicado no livro "Patrimônio Sacro na América Latina – Arquitetura, Arte e cultura no século XIX" (2017)

Sobre o livro
A presente obra, com artigos de 21 autores, vem preencher uma lacuna na história da arte, uma vez que a arte e a arquitetura sacras do século XIX, pela sua história recente, carecem de estudos analíticos. Originada nas palestras e conferências do II Seminário Internacional Patrimônio Sacro, realizado em julho de 2015 no Mosteiro de São Bento pelo Grupo de Pesquisa Barroco Memória Viva do Instituto de Artes da UNESP, busca ser o reflexo do que foram suas apresentações e conferências. Destacam-se os temas sobre a arte sacra na América Latina, Persistências e ressignificações do Barroco entre os séculos XIX e XX , proferida por Rodrigo Gutiérrez Viñuales, da Universidade de Granada, Espanha, Maurizio Russo, do Instituto Cultural Ítalo-Brasileiro e Istituto Italiano di Cultura com Igreja Católica e patrimônio sacro na Itália do Século XIX, bem como o coordenador do Barroco Memória Viva, Percival Tirapeli, com Catedrais Neoclássicas na América Latina.No âmbito paulistano, o patrimônio sacro arquitetônico: entre o rococó e o neoclássico, a arte religiosa paulista nos tempos do Império, e ainda a pintura sacra do século XIX e sua permanência nos espaços religiosos, além de aspectos de restauro e a conservação das importantes igrejas de São Cristóvão, Santa Ifigênia e Santa Cecília - com as pinturas de Benedito Calixto - e a Ordem Terceira do Carmo - com as de Jorge José Vedras, além da neogótica Sé de São Paulo. Na escultura, a presença italiana na arte sacra paulista na virada do século XX, o trabalho abrangente da oficina de Marino Del Favero, a escultura tumular em mármore e bronze, também influenciada por artesãos italianos são temas que tornam esta obra fundamental em sua área. Descobertas recentes de artistas que trabalharam no início dos novecentos paulista e dos que atuaram nas pinturas dos forros da Ordem Terceira do Carmo de Mogi das Cruzes, estudos sobre a Catedral de Jundiaí e o arquiteto Ramos de Azevedo além da imaginária devocional nas igrejas, estes são os temas paulistas. As presenças dos estados da Bahia, Pernambuco e Espírito Santo, mostram a dinâmica da história, conservação e restauro do patrimônio novecentista, apontando artistas italianos na Basílica da Penha, e a talha decorativa e devocional em São Pedro dos Clérigos, ambos no Recife. O patrimônio e a arte sacra no século XIX aqui apresentado certamente servirão como base para pesquisadores, estudiosos e leigos interessados no assunto, fazendo-nos lembrar o papel da Igreja Católica como centro irradiador de cultura desde tempos imemoriais.

AUTORES
André Tavares | Attilio Colnago Fº | Bianka T. Ortega | Carlos A. Campelo de Melo Cristiana Cavaterra | Eduardo Murayama | Danielle M. dos Santos Pereira FormArte Cultural/ Fabíula Domingues | Julio Moraes | Karin Philippov | Myriam Salomão | Maria José S. Tavolaro Passos | Mateus Rosada |Marcos Tognon | Maurizio Russo | Mônica Farias | Mozart Bonazzi |Percival Tirapeli | Rodrigo Gutiérrez Viñuales | Rosângela Ap. da Conceição | Viviane Comunale


Percival Tirapeli, Danielle Manoel do Santos Pereira (Orgs). Patrimônio Sacro na América Latina – Arquitetura, Arte e cultura no século XIX. Arte Integrada; Unesp, Instituto de Artes; ASSEER, Faculdade de São Bento de São Paulo. 1ª edição, 2017. 382 páginas. ISBN: 978-85-64719-09-5

domingo, 25 de junho de 2017

RESUMO PUBLICADO | PUBLISHED ABSTRACT : A permanência de formas e motivos medievais em têxteis barrocos


RESUMO: Ao serem realizados estudos de filiação estética das formas e motivos contidos em têxteis litúrgicos da Coleção Histórico-Artística da Venerável Ordem Terceira de São Francisco da Penitência da Cidade de São Paulo, fundada em 1644, inicialmente identificados como do período Barroco, nos deparamos com um resultado inusitado. Parte destes, na verdade, eram motivos medievais catalogados em Contributi allo studio dell'arte tessile, escrita por Giorgi Sangiorgi (1886-1960), colecionador italiano, cuja parte de sua coleção está depositada no The Metropolitan Museum of New York. Esta obra, disponibilizada online, faz parte deste contexto de digitalização de acervos bibliográficos e artísticos, disponibilizados em bancos de dados que propicia maior acesso a pesquisadores de diversas disciplinas. Desta forma, pensamos que tanto a História da Arte quanto as Humanidades Digitais são duas áreas do saber que se entrelaçam, fomentando novas interpretações e questionamentos sobre a presença de objetos medievais, o que pode reconfigurar os estudos de modo interdisciplinar. Neste sentido, pudemos identificar a permanência de determinadas formas e motivos ao verificarmos, preenchendo uma lacuna no que tange a descrição iconográfica. Portanto, pensamos em discutir a importância dos estudos medievais, seu imaginário e suas imagens como fontes de estudos iconográficos em um arco temporal ampliado, a partir de nossas constatações iniciais, com base metodológica para o estudo da imagem e seus usos por Bock (1859), Burckhardt (2011), Focillon (1983), E.H. Gombrich (2012a, 2012b) e Panofsky (1990, 1995), em heráldica por William Berry (1828), na história por Huizinga (2010), Le Goff (2013), entre outros teóricos.


ABSTRACT: When studies of aesthetic affiliation were carried out on the forms and motifs contained in liturgical textiles of the Historical and Artistic Collection of the Venerable Third Order of St. Francis of Penance of the City of São Paulo, founded in 1644, initially identified from the Baroque period, we came across an unusual result. Some of these, in fact, were medieval motifs catalogued in Contributi allo studio dell'arte tessile, written by Giorgi Sangiorgi (1886-1960), Italian collector, whose partial collection is deposited in The Metropolitan Museum of New York. This work, available online, is part of this context of digitization of bibliographical and artistic collections, available in databases that provide greater access to researchers from different disciplines. Bearing this in mind, we think that both the History of Art and Digital Humanities are two areas of knowledge that are intertwined, fostering new interpretations and questions about the presence of medieval objects, which can reconfigure studies in an interdisciplinary way. In this sense, we were able to identify the permanence of certain forms and motifs, filling a gap concerning the iconographic description. Therefore, we will be discussing the importance of medieval studies, the imagery and images as sources of iconographic studies in an extended temporal arc, starting from our initial findings, with a methodological basis for the study of the image and its uses by Bock (1859), Burckhardt (2011), Focillon (1983), EH Gombrich (2012a, 2012b) and Panofsky (1990, 1995), in heraldry by William Berry (1828), in History by Huizinga (2010), Le Goff (2013), among other theorists.

Citation
​CONCEIÇÃO, R.A. (2017). A permanência de formas e motivos medievais em têxteis barrocos. In: Programme Book of Abstracts of International Conference Reading the Middle Ages Today: Sources, Text and Translation. p. 9-10. 

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Article: QUEMADMODUM DESIDERAT CERVUS,the Psalm 42 (41): artistic interpretations and imagery

Abstract: This article presents the analysis of the artistic interpretations and the imaginary representations of Psalm 41 (42), present in the motif of the chained deer that was represented in the ecclesiastical textiles of the Cathedral of Brandenburg, dating from the third quarter of the 14th century, with reproductions executed in the second half of the 19th century and the beginning of the 20th century, with some copies in the Historical and Artistic Collection of the Venerable Third Order of Saint Francis of Penance of the City of São Paulo (VOTSFPCSP) and the Collection of the São Bento Monastery in São Paulo. In addition to textiles, we have the analysis of the Wilton diptych (c.1395-9), belonging to the National Gallery of London, as well as the relief on the altar of the Chapel of the Blessed Sacrament of the Abbey Basilica of Our Lady of the Assumption. Our analysis has as a theoretical basis 'The Commentaries on the Psalms' of Saint Augustine (1997), the work of Albert Rouet (1994) that deals with the relation between art and liturgy, methodology for the study of the image and its uses by Bock (1859 ), EH Gombrich (2012a, 2012b) and Panofsky (1990, 1995), with the support of the study in heraldry by William Berry (1828).

Keywords: Artistic interpretation, Visual representation, Imagery, Religious image, Sacred art, Art and Liturgy.

CONCEIÇÃO, R. A. . (2016) QUEMADMODUM DESIDERAT CERVUS,the Psalm 42 (41): artistic interpretations and imagery. ANASTASIS. Research in Medieval Culture and Art. Anastasis. Vol. III, Nr. 2/ November 2016. p.. ISSN 2392–862X (print); ISSN-L 2392–862X; ISSN 2392–9472 (online). 

Artigo: HONORIFICENTIA POPVLI NOSTRI: arte e decoração beuronense no século XXI

HONORIFICENTIA POPVLI NOSTRI: arte e decoração beuronense no século XXI
RESUMO: A arte beuronense surge na Abadia de Beuron, Alemanha, com a fundação da Escola de Arte de Beuron, cujos principais fundamentos foram postulados por Padre Desiderius Lenz (1832–1928) e Gabriel Wüger (1829–1892). Discutiremos o lugar da arte e decoração beuronense no século XXI a partir da análise de dois casos: o projeto do artista Enzo Selvaggi para o restauro e a renovação da Igreja de São João Crisóstomo, na Califórnia, e a construção e decoração da Igreja do Príncipe da Paz, em Nebraska, em 2011, feita pela EverGreene Architectural Arts em parceria com RDG Design Planning.
Palavras-chave: Arte beuronense, século XXI, conservação e restauro, apropriação estética.

HONORIFICENTIA POPVLI NOSTRI: Beuronese art and decoration in the XXI Century
Abstract: Beuronese art appears in Beuron Abbey, Germany, with the founding of the Beuron School of  Art, whose main foundations were postulated by Father Desiderius Lenz (1832-1928) and Gabriel Wüger (1829-1892). We will discuss the place of art and beuronese decoration in the twenty-first century from the analysis of two cases: the project of the artist Enzo Selvaggi for the restoration and renewal of the Church of St. John Chrysostom, in California, and the construction and decoration of the Prince of Peace Catholic Church in Nebraska in 2011, made by EverGreene Architectural Arts in partnership with RDG Planning Design.
Keywords: Beuronense Art, twenty-first century, conservation and restoration, aesthetic appropriation.

CONCEIÇÃO, R. A. . (2016). HONORIFICENTIA POPVLI NOSTRI: arte e decoração beuronense no século XXI. In: CIRILLO, José; GRANDO, Ângela, (Orgs.). Poéticas da criação, ES 2016: Anais do Seminário Ibero-Americano sobre o Processo de Criação nas Artes. Vitória: PROEX; UFES. ISBN: 978-85-65276-30-6.